Microlearning

Em uma era em que as pessoas têm tanta urgência para executar suas atividades diárias, investir em treinamentos de longa duração pode ser um tiro no pé, afinal, o ritmo de aprendizagem das pessoas mudou e as chances do seu colaborador prestar atenção em tudo durante um longo intervalo de tempo são bem curtas, certo? É aí que entra o Microlearning: um modelo de ensino-aprendizagem para acompanhar esse ritmo acelerado.

Acompanhe o texto e entenda:

Boa leitura!

O Que é Microlearning?

Microlearning (do inglês micro aprendizagem) é uma abordagem de ensino que transmite pequenas doses de conhecimento em um curto espaço de tempo.

O objetivo do Microlearning é construir um conteúdo complexo através de pequenas partes, em forma de sessões de aprendizagem.

As aulas (ou atividades) do Microlearning acontecem em um tempo curto, com uma linguagem simples, de fácil compreensão e podem contar com o apoio de recursos multimídia, como vídeos, por exemplo.

Por ter um conteúdo rápido, muitas pessoas optam por oferecer um curso de Microlearning em um ambiente online, pois é muito mais fácil disponibilizar videoaulas de 3 minutos em uma plataforma EAD do que promover encontros presenciais por um tempo tão pequeno.

microlearning tempo

Antes de entendermos quais são as vantagens e como utilizar o Microlearning na prática, é preciso diferenciá-lo de outros conceitos:

E-learning, B-learning, Pílulas do Conhecimento e Microlearning: qual a diferença?

A tecnologia tem possibilitado diversas transformações na educação, e com ela surgiram alguns conceitos:

E-learning

E-learning é abreviação para eletronic learning (aprendizado eletrônico) e significa um modelo de aprendizado a distância que funciona com algum suporte tecnológico, como, por exemplo, uma Plataforma EAD.

B-learning

B-learning é abreviação para blended learning (aprendizado misto) e significa um modelo de aprendizado que mistura o ensino presencial com o ensino a distância, utilizando tecnologias da informação para dar suporte ao ensino que não acontece presencialmente.

Leia também  7 vantagens de utilizar uma Plataforma EAD para vender cursos online

Pílulas do Conhecimento

Pílulas do conhecimento são pequenas doses de conhecimento independentes, ou seja, seria equivalente a aprender sobre um único assunto em três ou cinco minutos, sem conexão com diferentes pílulas.

O Microlearning traz aspectos que lembram cada um dos conceitos que apresentamos, mas não pode ser confundido com eles exatamente.

microlearning online

Esses conceitos têm se popularizado principalmente em ambientes corporativos, pois com o apoio da tecnologia fica bem mais fácil capacitar colaboradores em um tempo menor.

Mas você deve estar se perguntando: como conseguir profundidade ao abordar algum assunto dentro da organização em tão pouco tempo?

Por isso vamos conhecer as duas aplicações mais adequadas dessa metodologia, para você saber qual o momento ideal para trabalhar essa abordagem no contexto corporativo:

Como aplicar o Microlearning nas Empresas

O Microlearning é recomendado para duas principais situações dentro das empresas:

1 – Conteúdos de Contextualização

O Microlearning pode ser aplicado quando você precisar dar uma visão geral de algum tema para uma equipe ou um grupo de colaboradores, sem necessariamente se aprofundar.

Por exemplo: a equipe financeira precisa entender o conceito e como funcionam as “contas a receber”, mas não precisa saber de detalhes de atividades e operações que executam.
Para isso, um treinamento de até 3 minutos cai como uma luva para essa situação, dando o contexto necessário para que esse time compreenda as informações necessárias.

2 – Conteúdos de Conexão

Essa prática também é muito adotado quando a empresa quer abordar temas que são de conhecimento geral, mas existe a necessidade de compreensão de alguma etapa intermediária para gerar melhor entendimento desse conhecimento.

Por exemplo: quando uma empresa está aprendendo sobre novas tendências de mercado, mas não conhece alguns termos técnicos.

microlearning ideia

Apesar de ter uma aplicação limitada (afinal, é uma prática de duração muito curta e alguns assuntos maiores tendem a ficar de fora), o Microlearning apresenta várias vantagens.Conheça algumas delas a seguir:

Vantagens do Microlearning

Materiais são mais fáceis de produzir

Os materiais são mais fáceis de produzir, afinal, são conteúdos pequenos e qualquer material que consiga explicar em poucos minutos sobre um determinado assunto é importante para essa prática.

Leia também  O que é E-learning? Conheça a inovação do ensino online

Para isso é possível contar com materiais como apresentação de slides, vídeos, textos ou até fazer uma pequena conversa informal sobre o conteúdo.

Otimização de tempo

Se for bem aplicado, o Microlearning trará economia de tempo aos colaboradores e gestores, fazendo com que os conteúdos sejam transmitidos de forma muito rápida, sem ocupar o tempo do participante por 2 ou 3 horas para explicar sobre um único tema.

Fácil manutenção

O Microlearning é mais fácil de manter do que cursos mais longos porque os cursos longos têm o risco de ficarem desatualizados com o passar do tempo e sua manutenção é trabalhosa, ao contrário do Microlearning que, por ser de curta duração, dificilmente ficará desatualizado e se ficar será fácil de atualizar.

Diante desses benefícios, você certamente vai querer começar a fazer seu curso (ou capacitação) em Microlearning, certo?

Pensando nisso, separamos algumas dicas para planejar um curso em Microlearning:

Dicas para planejar um curso em Microlearning

1 – Dividir o conteúdo do seu curso em pequenas partes

O primeiro passo para planejar um curso em Microlearning é dividir o conteúdo em pequenas partes, que constituirão as sessões de ensino.

Mas fique atento: não são todos os conteúdos que podem ser adaptados em pequenas partes. Como dissemos anteriormente, o microlearning é recomendado em alguns casos específicos.

2 – Adotar uma ferramenta online

Contar com um suporte online é muito importante para cursos nessa modalidade.

Como te contamos, é muito comum que o microlearning aconteça online porque se trata de pequenas doses de conhecimento, então nada melhor do que contratar uma ferramenta de aprendizagem online.

3 – Apresentar em formatos de conteúdos diferentes

Para terminar, outra dica que temos para dar é apresentar os conteúdos do seu curso em formatos diferentes.

Assim fica mais divertido aprender!

Resumindo…

O Microlearning é uma ferramenta para auxiliar no aprendizado corporativo, pensado para atender as necessidades de organizações com muitos colaboradores e fluxo de trabalho muito intenso. Suas principais aplicações são conteúdos de contextualização e conteúdos de conexão e ele funciona como uma ponte entre grandes aprendizagens e tempo curto.

Leia também  Blended Learning: entenda o que é e como funciona

Se você deseja implantar e fazer a manutenção do Microlearning, procure por plataformas que suportem esse tipo de ensino.


O Twygo – Plataforma EAD está preparado para hospedar esses conteúdos e vai te ajudar a otimizar a aprendizagem da sua empresa.

Quer entender melhor como isso funciona na prática? Confira:

Plataforma EAD para Educação Corporativa saiba mais v02

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *